Notícias



24/10/2016

Lançada nova chamada para negócios de impacto

 

Os melhores planos renderão as incubadoras e aceleradores R$ 25 mil para execução do projeto, enquanto os empreendedores do seu portfólio, que possuam negócios de impacto, terão acesso a mentoria de empresários e investidores e ganharão vouchers em serviços do Sebrae.


Mobilizar aceleradoras e incubadoras a desenharem estratégias para atrair, selecionar e acompanhar a estruturação de Negócios de Impacto Social no seu portfólio é o objetivo do Programa Aceleração e Incubação de Impacto, que lançou sua segunda chama durante a 26ª Conferência Anprotec. A iniciativa é fruto de uma parceria da Associação com o Sebrae e o Instituto de Cidadania Empresarial (ICE).

A nova chamada foi anunciada pela Diretora-Técnica do Sebrae, Heloísa Menezes e pela Gerente Executiva do ICE, Fernanda Bombardi.

“Os negócios de impacto têm ganhado muita força no Brasil, principalmente pela sinergia criada entre as instituições, entidades e empresas que atuam na área. O que move o mundo é o propósito, e as incubadoras e incubadas podem alinhar o propósito que vem por trás do negócios de impacto social e ambiental com a sua essência e natureza, que é da inovação”, disse Heloísa.

Na primeira fase, o Programa vai oferecer capacitação gratuita, presencial e online, para profissionais de aceleradoras e incubadoras de empresas. A primeira atividade será um Workshop Presencial em dezembro, na mesma época em que acontece o tradicional café da Manhã Anprotec & Parceiros, em Brasília (DF). Entre janeiro e maio do próximo ano, serão realizadas as demais atividades de capacitação, visando a elaboração de um plano de ação para inclusão de negócios de impacto em seu portfólio.

Os melhores planos renderão as incubadoras e aceleradores R$ 25 mil para execução do projeto, enquanto os empreendedores do seu portfólio, que possuam negócios de impacto, terão acesso a mentoria de empresários e investidores e ganharão vouchers em serviços do Sebrae.

Além disso, terão acompanhamento para implementação do Plano de Ação, oportunidade de participação no grupo de Aceleradoras e Incubadoras do Programa e conexões com outras organizações que atuam com negócios de impacto.

Podem se inscrever aceleradoras e incubadoras de empresas ligadas à Anprotec, com pelo menos dois anos de atuação e que tenham apoiado, no mínimo, quatro empresas. Elas devem disponibilizar uma pessoa para participar de todas as etapas do processo seletivo.

A participação nas atividades de capacitação é gratuita, mas os participantes devem arcar com os custos de deslocamento para o workshop em Brasília. É possível solicitar uma ajuda de custo parcial para participação nessa atividade.

Para mais informações: www.ice.org.br/incubadoras



Fonte: ICE - Inovação em Cidadania Empresarial









Institucional ITCG CITTA Serviços Área Interna Contatos Comunicação

Histórico
O que fazemos?
Quem somos?
Prêmios e Credenciamentos
Estatuto
Marca e Aplicação

Incubadora
Empresas incubadas
Empresas Associadas
Como se incubar?
Área do Empreendedor
     Lab2Market
     NIT
     Central de Projetos
     Cursos e Capacitações

O que é?

Interveniência em Projetos
Prestação de Serviços Especializados
Cursos e Capacitações
Licitações
Contratos e Convênios
Concursos

Intranet
Webmail
Saperff
Golden Portal

Fale Conosco

Notícias
Sala de Imprensa
Vídeos
Rádio PaqTcPB
Enquete
Revista FETEC
Twitter
Downloads
             


Fundação Parque Tecnológico da Paraíba
Rua Emiliano Rosendo Silva - 115, Bodocongó. Campina Grande - Paraíba.
CEP: 58431-000 - Fones: (83) 2101-9020 / 2101-9025

Copyright by PaqTcPB - Todos os Direitos Reservados.