Após Campus Academy, projetos de alunos da PB têm apoio de Parque Tecnológico

6 de julho de 2018

Projetos apoiados são de uma escola pública de Campina Grande e foram apresentados na Campus Academy

Projetos apoiados são de uma escola pública de Campina Grande e foram apresentados na Campus Academy.

Dois projetos de grupo de alunos de uma escola pública de Campina Grande vão receber apoio do Parque Tecnológico da Paraíba, depois de participarem do Campus Academy 2018. O evento foi realizado pelo Sebrae Paraíba no mês de maio, na cidade de João Pessoa. Os alunos são da Escola Estadual Severino Cabral, de Campina Grande.

Um dos projetos escolhidos é voltado para os frequentes ataques a caixas eletrônicos de instituições bancárias. Um grupo apresentou o projeto de um sensor termoelétrico, instalado nos equipamentos, para detectar o calor emitido pela dinamite ou outro aparato explosivo utilizado, acionando um sistema de alarmes e fechando grades no local, impedindo a fuga de criminosos.

O segundo adotado é um aplicativo capaz de monitorar o smartphone dos alunos durante as aulas e, de acordo com os dados coletados, pontuar os estudantes em função do seu uso nos horários adequados, diminuindo a utilização do celular sem fins didáticos durante a aula.

Os dois times, compostos pelos alunos Larissa, Diego, Samael, Yure e Ellen; e Thauan, Michel, Yan, Helen e Ana Paula, respectivamente, e orientados pela professora Giovania Lacerda, foram finalistas da maratona e chamaram a atenção da Incubadora Tecnológica de Empreendimentos Criativos e Inovadores de Campina Grande, da Fundação Parque Tecnológico da Paraíba (PaqTcPB), que resolveu apoiar os projetos nas primeiras etapas.

Para a professora e orientadora dos projetos, Giovana Lacerda, além da incubação, a participação no Campus Academy e a vivência com conteúdos de inovação e empreendedorismo têm feito os estudantes ampliarem sua perspectiva profissional.

“Essas experiências fizeram com que eles amadurecem bastante, pois aprenderam a lidar com a pressão e com as próprias expectativas. Estão mais consistentes, administram melhor a vida até como estudantes e também aprimoraram o autodidatismo”, frisou a professora.

O desafio da Campus Academy reuniu 365 estudantes de nível médio de Escolas Cidadãs Integrais Técnicas de todo o estado, durante os dias 16 e 18 de maio, dentro da programação do Campus Festival 2018, em João Pessoa, capital paraibana. O evento teve como parceiros a Fundação Parque Tecnológico da Paraíba (PaTcPB), a Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia e a Secretaria de Educação do Estado da Paraíba.

Fonte: G1